sábado, 7 de março de 2015

Milu



Essa periquita-australiana adolescente foi encontrada por uma moça na hora certa, pois quase foi pega por um um gato, provavelmente escapou de alguma casa próxima.

Inicialmente mordia tudo e todos e ficava separada dos outros, mas com o tempo foi implorando para ficar com os outros colegas e lá ficou mais calma e aprendeu a voar, estando agora com seus pares.

Nuno


 O suiriri, que de início foi confundido com um bem-te-vi é o Nuno, que foi resgatado por um colega da faculdade que o encontrou na rua, que logo veio para os meus cuidados. Como podem ver, ele ainda é uma criança e apesar que ensaiar seus vôos, ainda não come sozinho. Enquanto ele não se prepara para a liberdade plena, está vive junto com os periquitos.

Diuma


Essa pombinha simpática veio por uma moça que a resgatou após ter encontrado no seu apartamento. Apesar do tamanho, ainda é uma juvenil e tem alguns hábitos de filhote, como piar. Logo ficou por umas semanas aqui em casa, sendo que aos poucos foi ampliado suas fronteiras até resolver sair de vez, o não a impede de voltar para casa eventualmente. Vai ver encontrou o seu par: o Lula.